Correspondente Kipling

1 filme, 1 livro e 1 cd!

4 de junho de 2016

Como o próprio título já diz, no post de hoje vou indicar pra vocês um filme, um livro e um cd.

QUANTO MAIS QUENTE MELHOR

Melina Souza

Quanto mais quente melhor¬†√© uma com√©dia musical que foi lan√ßada em 1959 e¬†dirigida por¬†Billy Wilder, mesmo diretor de cl√°ssicos como ‚ÄúSe meu apartamento falasse‚ÄĚ, ‚ÄúCrep√ļsculo dos deuses‚ÄĚ e ‚ÄúSabrina‚ÄĚ.

A hist√≥ria se passa na cidade de Chicago no ano de 1929.¬†Joe¬†(Tony Curtis) e¬†Jerry¬†(Jack Lemmon) s√£o m√ļsicos e est√£o desesperadamente procurando emprego. A vida deles j√° estava complicada, mas ficou mais ainda quando, acidentalmente, eles testemunharam o Massacre do Dia de S√£o Valentim (assassinato de sete pessoas que realmente aconteceu no dia 14 de fevereiro de 1929) e precisaram arranjar um jeito de deixar a cidade. A solu√ß√£o encontrada por eles foi entrar para a banda de garotas da¬†Sweet Sue¬†(Joan Shawlee) e suas Sincopadoras e para isso, √© claro, precisam se disfar√ßar de mulher (Jerry¬†agora √©¬†Josephine¬†e¬†Joe¬†√©¬†Daphne). L√° conhecem a ador√°vel vocalista¬†Sugar Kane¬†(Marilyn Monroe) e¬†Jerry/Josephine¬†se apaixona por ela, por√©m n√£o pode conquist√°-la disfar√ßado de mulher.

√Č imposs√≠vel n√£o rir com os personagens de¬†Jack Lemmon¬†e¬†Tony Curtis¬†e se encantar com a beleza de¬†Marilyn Monroe.

PARA TODOS OS GAROTOS QUE J√Ā AMEI (JENNY HAN)

Melina Souza

Sabe aquele livro que leve e doce que te prende e, quando você para pra pensar, já leu quase todo e não se cansou? Então, foi isso que Para todos os garotos que já amei fez comigo.

Lara Jean¬†√© uma garota t√≠mida e rom√Ęntica que ficou ainda mais pr√≥xima ainda de suas irm√£s Margot e Kitty ap√≥s a morte de sua m√£e. As tr√™s tiveram que amadurecer muito r√°pido, principalmente Margot que √© a mais velha e sempre se mostrou forte para suas irm√£s mais novas. Agora Margot est√° indo estudar na Esc√≥cia e¬†chegou a hora de Lara assumir o papel de ‚Äúl√≠der‚ÄĚ e ajudar ainda mais seu pai a cuidar da ca√ßula e da casa.

A mudan√ßa de Margot mexe muito com Lara e agora, al√©m de ter que assumir novas responsabilidades, ela ter√° que se deparar com quest√Ķes do seu passado amoroso.

Sua m√£e lhe deu¬†uma caixa de chap√©u para que ela guardasse tudo o que considerasse valioso. Lara guardava cartas de amor. Cartas escritas por ela para cada garoto que se apaixonou. Cartas escritas somente para ela ler, porque nelas Lara tinha coragem de falar coisas que jamais iria conseguir falar para a pessoa. Eram cartas de amor de t√©rmino (ela escrevia quando decidia dar uma ‚Äúfim‚ÄĚ ao sentimento). Esses sentimentos est√£o bem seguros com Lara e em sua caixa at√© que um dia ela descobre que as cartas foram enviadas para todos os garotos que ela se apaixonou.

Só de falar sobre ele por aqui, fiquei com vontade de reler ele e sua continuação (P.S: I Still Love You).

TOM SPEIGHT – LITTLE LOVE

Melina Souza

Conheci o Tom Speight no come√ßo do ano e logo que ouvi pela primeira vez me encantei com sua m√ļsica e com seu v√≠deo. O seu LP Little Love tem quatro m√ļsicas encantadoras e recentemente ele lan√ßou uma m√ļsica chamada Falling que tamb√©m adorei. Vou parar de falar por aqui e deixar voc√™s se encantarem com Little Love:

E a√≠, gostaram das minhas indica√ß√Ķes?

Obrigada por tudo, pessoal!

xoxo


Comente!